20 outubro, 2011

Infraestrutura do PR precisa de R$ 6 bi [Portal Webtranspo]

Investimentos seriam destinados aos portos, aeroportos, ferrovias e rodovias.Para que a maior parte dos problemas de infraestrutura seja sanada no Paraná – tanto em rodovias, portos, aeroportos e ferrovias – são necessários investimentos de aproximadamente R$ 6 bilhões. Este volume foi calculado pelas entidades que integram o Fórum Permanente Futuro 10 Paraná, que se reuniu com as autoridades políticas do Estado, nesta segunda-feira, 17.
Do volume apresentado como necessário, R$ 1 bilhão seria destinado para os portos, R$ 3 bilhões às ferrovias, R$ 1.074 milhões às obras rodoviárias e R$ 975 milhões aos aeroportos.
“O Fórum está assumindo um papel de discussão permanente das demandas do Paraná. Se for necessário, colocamos à disposição da bancada paranaense em Brasília, do governo estadual e federal nossas equipes técnicas para que auxiliem na elaboração desta emenda coletiva e caso surjam dúvidas sobre as propostas aqui apresentadas, que detalhem melhor. O que não podemos perder é esta grande oportunidade de unir esforços, aproveitar esta sinergia favorável, independente das siglas partidárias, lutar em favor do Paraná e assim promover o desenvolvimento de nosso estado e resolver nossos gargalos de infraestrutura”, argumentou João Paulo Koslovski, presidente do Sistema Ocepar, entidade que participa da organização.
Beto Richa, governador do Estado, avaliou que iniciativas como a do Fórum contribuem para o desenvolvimento paranaense e também afirmou que já existem discussões, no sentido, de ampliar a cota de recursos do Paraná dentro do orçamento do Governo Federal. “No último contato que tivemos com a presidente Dilma, na sua passagem por Curitiba, falamos das necessidades de melhoria da infraestrutura do Porto de Paranaguá, das nossas ferrovias, rodovias e do aeroporto. São obras necessárias e que precisam de recursos para que o Paraná não fique de fora dos investimentos previstos no orçamento e do Plano Plurianual”, comentou.
O político ainda afirmou que, em conjunto com os governadores dos demais Estados da Região Sul, está defendendo que os recursos provenientes do Pré-Sal sejam divididos, igualmente, entre todos os Estados da União. “Firmamos um pacto nesta defesa, baseados na proposta apresentada pelo deputado federal, Ibsen Pinheiro sobre as reservas”, declarou.

Fonte: Portal Webtranspo; disponível em http://www.webtranspo.com.br/infra/23578-infraestrutura-do-pr-precisa-de-r-6-bi ; acesso em 20/10/2011.

Nenhum comentário: